Precisa de empréstimo para limpar nome ou abrir um negócio? As taxas de juros nunca estiveram tão baixas; confira

A taxa básica de juros (taxa Selic) nunca esteve tão baixa no Brasil e a tendência é que continue a cair por mais algum tempo. A expectativa é que os juros básicos, hoje em 5,5% nominais ao ano, recuem para 5%, na reunião do Copom (Comitê de Política Monetária) marcada para a próxima semana.

Apesar de um movimento ainda lento, os juros cobrados no empréstimo pessoal, pelos principais bancos e financeiras, também vêm caindo. A taxa média dos seis bancos avaliados foi de 6,19% em setembro para 6,17%, de acordo com o Banco Central, agora em outubro. É uma diminuição pequena, que ainda não acompanhou o movimento de corte de juros da economia.

Mas para quem está precisando de um dinheiro extra, pegar um empréstimo em boas condições e saber utilizá-lo, como para organizar a vida financeira, já que boa parte da população está com o nome negativado, pode ser muito útil. Confira!

O nome técnico para a transação é “consolidação da dívida”, e acontece em casos em que o cliente pega um empréstimo para liquidar dívidas com juros mais altos.

Pegar um empréstimo, com boas condições, pode ajudar a cobrir o cheque especial ou evitar as altas taxas de juros do cartão de crédito, em caso de falta de pagamento do valor total da fatura.

Além disso, quando disponível, o empréstimo consignado pode ser a opção interessante. Afinal, como o desconto é feito diretamente na folha de pagamento, o risco do banco com a operação de crédito é mais baixo, o que garante uma taxa de juros menor.

Outras modalidades de empréstimo pessoal também oferecem juros atrativos, vale a pena pesquisar junto aos bancos e financeiras.

Mas, vale ressaltar que é preciso ter um bom planejamento, a fim de garantir que o valor da parcela vai realmente caber no orçamento sem riscos de endividamento. Do contrário, o dinheiro que poderia ajudar a organizar a vida financeira, poderá ocasionar o descontrole financeiro.

Leia também:Empréstimo: confira as melhores opções e as que você deve evitar

Depois que a crise atingiu o Brasil, o número de pessoas que passaram a ser donas do seu negócio aumentou. Contudo, nem sempre é tão simples começar sem uma boa reserva de caixa.

Para esses casos, contar com um empréstimo bancário pode, portanto, ser o pontapé inicial para viabilizar o empreendimento.

Vale a pena conferir as opções de empréstimo em bancos como Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil, que têm modalidades voltadas, inclusive, para quem é MEI (Microempreendedor Individual), tais como:

O empréstimo é ideal para empreendedores formais, informais e empreendedores Individuais​ (MEI), seja para comprar materiais, equipamentos ou melhorar o ambiente. E a taxa de juros desse empréstimo é uma das melhores.

É possível obter de R$ 300, 00 a R$ 15.000 reais e ter até 24 meses para pagar, contudo, é necessário consultar as condições junto ao banco ou no site da Caixa.

O crédito é concedido para atendimento das necessidades financeiras de pessoas físicas e jurídicas empreendedoras de atividades produtivas de pequeno porte. O atendimento aos empreendedores é realizado no local onde é exercida a atividade econômica, por funcionário do BB (agente de crédito).

Esse profissional fará um levantamento socioeconômico, além de prestar orientações sobre o planejamento e gestão do negócio, assim como a necessidade de crédito.

O valor e as condições são definidos após a avaliação da atividade e da capacidade de pagamento do empreendimento. Para saber mais, acesse o site do banco.

Tudo que uma pessoa precisa para se manter com o nome limpo na praça é de dinheiro. No entanto, em caso de descontrole financeiro, a chance de ficar com o nome inscrito nos órgãos de proteção ao crédito é grande.

Nesses casos, contratar um empréstimo, com parcelas acessíveis, pode ser a saída para quitar dívidas e recuperar o crédito na praça.

Apesar de ser mais difícil de conseguir, estando a pessoa negativada, se for possível comprovar uma renda ou ainda apresentar uma garantia, como um veículo, por exemplo, existem boas opções disponíveis, inclusive nos bancos mais tradicionais.

Um serviço muito útil, disponível no mercado, é a plataforma de busca e comparação de empréstimos Serasa e-cred.

Nesse caso, existem algumas empresas que oferecem vantagens interessantes para quem paga determinados itens, mais caros, à vista.

Como os juros do crediário geralmente é alto, pegar um empréstimo pode ser uma boa estratégia na compra à vista, já que com dinheiro em mãos, é possível negociar um bom desconto.

Assim, arcar com o compromisso do empréstimo ao invés do parcelamento da loja acaba sendo um bom negócio.

Leia também: Empréstimo mais barato: conheça mais sobre a modalidade de crédito P2P

Welcome, Login to your account.

For security, use of Google’s reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.

For security, use of Google’s reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.

Recover your password.

A password will be e-mailed to you.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui